Azaz | Terceirização de governança de TI: como começar?Terceirização de governança de TI: como começar? - Azaz Soluções
 governança-de-ti-2
Contar com a terceirização de governança de TI é um grande passo para alcançar metas e manter a empresa alinhada com o futuro

A governança de TI é um assunto que pode ser sinônimo de problemas para quem tem um empreendimento e não pode arcar com as despesas referentes a esse departamento. Uma solução válida é terceirizá-lo.

Os motivos que tornam inviável a contratação de funcionários especializados no setor podem ser os mais diversos: falta de verba, porte da empresa, serviços insuficientes para essas atividades, entre outros.

No entanto, é essencial contar com esse tipo de serviço em muitos segmentos de atuação corporativa. Diante disso, como proceder? A terceirização é mesmo um bom caminho? Se sim, por onde começar e implantar serviços que realmente ajudem o dia a dia do negócio?

Confira a seguir como terceirizar a governança de TI, desde os primeiros passos até o uso efetivo.

Por que terceirizar a governança de TI?

Priorizar esse caminho facilita o acesso da empresa ao que há de mais completo e experiente no setor. Profissionais gabaritados e especializados estarão sempre à disposição, com orientações que certamente impactam positivamente no dia a dia corporativo.

Fazer esse trabalho coloca as atividades gerenciais da empresa em um outro patamar. É algo que vai muito além da simples operação de sistemas. A gestão se torna mais dinâmica e o estabelecimento e manutenção de processos são otimizados.

A comunicação entre a empresa contratante e a terceirizada deve ser clara, constante e regular. Dessa maneira, é possível fazer ajustes e chegar aos objetivos de maneira mais rápida e efetiva.

Em pouco tempo, os resultados são percebidos.

Como é feito esse processo?

Como praticamente qualquer atividade corporativa pode ser terceirizada atualmente, é comum pensar que o processo é o mesmo quando se fala de TI. Entretanto, algumas peculiaridades devem ser conhecidas desde o princípio.

Como se trata de um serviço primordial e que está diretamente relacionado com as atividades gerenciais da empresa, uma implantação equivocada pode trazer inúmeros contratempos. O risco é bem maior se comparado a outros serviços, como segurança ou limpeza.

Para minimizar ou até anular os problemas, o melhor a se fazer é um planejamento de todas as etapas. Todos os envolvidos nesse processo devem avaliar os objetivos e benefícios desse projeto.

Os efeitos também devem ser previstos e todas as ações devem estar de acordo com a realização de cada meta, tanto as de curto quanto as de médio e longo prazo.

Ainda que se tenha fases que se aplicam a uma ampla gama de empresas, cada procedimento é único. As mudanças são perceptíveis em toda a organização estrutural do empreendimento, assim como nos hábitos e nas pessoas que fazem parte do seu organograma.

Como começar?

O primeiro passo é fazer uma avaliação, ainda que leiga, acerca dos objetivos que devem ser alcançados com a terceirização da governança de TI. Isso pode ser feito através de uma reunião entre o departamento gerencial e colaboradores que sejam considerados importantes nesse aspecto.

Com esses dados em mãos, é necessário escolher a empresa mais habilitada a iniciar uma parceria. Para contar com a melhor opção, é necessário ter muitas informações sobre ela e conhecer, naturalmente, as dores do próprio negócio.

Os tópicos a seguir ajudarão a definir a alternativa mais certeira.

Ajuste de objetivos

Um boa parceria é fundamental para que todo o processo seja um sucesso

Ter um parceiro que esteja disposto a trabalhar de forma personalizada é vital para o sucesso da parceria. Ainda que os processos sejam feitos de forma semelhante, cada cliente busca um resultado específico e a empresa terceirizada deve estar atenta a isso.

A comunicação, como já mencionado, é o aspecto mais importante nesse sentido. Tudo deve ser discutido entre as duas partes. A empresa de TI deve propor soluções que ajudem no alcance dessas metas.

Isso se torna mais viável se a parceria contar com equipes com propósitos semelhantes e tenham empatia entre si.

Pesquisa por referências

Antes de fechar negócio, verifique a reputação da empresa de governança de TI. Conversar com outros clientes é sempre uma alternativa interessante, caso conheça algum. Do contrário, tente saber os cases de sucesso do empreendimento, principalmente no ramo de atuação em que seu negócio atua.

Quanto mais referências positivas, as chances de a parceria dar certo são maiores. Evidentemente, isso também traz segurança no momento de firmar o acordo.

Suporte constante e facilitado

Durante o planejamento, deve-se pensar até mesmo nos revezes que podem surgir em  determinados momentos. Verifique como é feito o atendimento dessa empresa. Ele deve ser ágil e o suporte garantido em caso de urgência.

Você deve ter a certeza de que não haverá interrupção das atividades, especialmente as vitais para o funcionamento da empresa, por conta de problemas relacionados à TI.

O suporte mais eficaz é o que esteja à disposição durante todo o seu horário de operação.

Profissionais especializados e programas atualizados

Ao pesquisar mais informações sobre a empresa de terceirização de governança de TI, esses são dois dos principais tópicos. As soluções devem estar de acordo com as atividades e objetivos do contratante e os funcionários devem ser capacitados para lidar com essas ferramentas.

Ter pessoas treinadas para qualquer exigência do mercado é um fator bastante positivo no momento de fechar a parceria.

Verifique o custo-benefício de toda essa operação. Um dos principais benefícios da terceirização de TI é a redução de custos. Se isso não for atingido, algo precisa ser revisto.

A seguir, saiba como a Azaz pode ajudar a sua empresa a alcançar a excelência em suas atividades.

Terceirização de TI da Azaz

Além da redução de custos, todas as atividades de outsourcing de governança de TI contemplam todos os aspectos abordados no decorrer do texto. Com isso, há mais eficácia na infraestrutura de uma forma geral.

As ações são realizadas de modo que o gestor não precise ter dores de cabeça nesse sentido. Assim, ele pode se voltar para suas outras atividades, com a garantia de que terá à disposição serviços de altíssima qualidade.

O suporte é amplo e flexível, bem como as soluções. Empresas de qualquer segmento podem contar com as vantagens oferecidas pela Azaz. Entre em contato e confirme como nossa equipe pode ajudar a sua a alcançar os melhores resultados.

One Reply to “Terceirização de governança de TI: como começar?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *